segunda-feira, 13 de abril de 2009

O Brasil é uma "terra de ninguém".

Os únicos nativos 100% brasileiros são os índios. Essa terra abençôada recebeu de braços abertos todos os povos que aqui se instalaram. A miscigenação de raças é algo encantador. Eu mesma possuo traços orientais e tenho primas de cabelos louros e olhos claros!
Sentimos a influência de vários povos em nosso dia-a-dia, principalmente na culinária e na religião. O sincretismo é harmonioso. E eu amo tudo isso! Mas......

******
Em minha rua, duas casas à direita, há uma casa onde se pratica a Umbanda. As reuniões são feitas em uma sala fechada e só ouvimos o som dos atabaques madrugada adentro se prestarmos atenção. Na casa em frente ao do centro de Umbanda, mora uma senhora religiosa. Ela é "Crente", nome pelo qual chamamos os frequentadores de igrejas que não são católicas. Os crentes são conhecidos por uma fé que quase beira o fanatismo. Eles batem de porta em porta em finais de semana, com uma bíblia na mão, com a "missão" de levar para o seu "rebanho" o maior número possível de "ovelhas". Também se destacam pelo vestuário. As mulheres só usam saias e possuem os cabelos longos. Dependendo da igreja (como a Congregação, por exemplo) elas não podem nem usar esmalte nem brincos. Mas voltando a minha vizinhança: imagina o que essa mulher "crente" deve sentir a cada reunião de Umbanda? Sim, pq se tem uma coisa que eles não aceitam, é uma crença diferente da deles. Mas ela, para demonstrar que é uma 'CRISTÃ" temente a Deus, nos acorda aos Domingos logo cedo, com música Gospel no último volume. Não obstante, agora também temos cultos nas noites de Domingo!!! As cadeiras são dispostas em sua garagem e calçada e o pastor é munido de um microfone, ligado em duas caixas de som gigantes. O tal pastor prega "a palavra do Senhor" aos berros e é acompanhado por fiéis em êxtase. Depois há as canções e para finalizar (lá para às 23hs) há uma queima de fogos. Somos obrigados a aumentar o som da tv para poder ouvir alguma coisa. Temos que conversar aos berros.

Tou fazendo parte dessa campanha

E aí eu te pergunto: Cadê o amor e o respeito pelo próximo? Pq impor a sua crença às outras pessoas? Deus e Jesus por acaso são surdos???
Eu acredito no "Viva e deixe viver"!
Agora tenta ir até eles e pedir um pouco de silêncio. Vão dizer que vc está possuido pelo demônio e que deve aproveitar a reunião para fazer um descarrego.
Eu nem sei pq estou escrevendo tudo isso. Mas deve ser pq minha paciência budista está acabando, apesar de eu ser espírita (Allan Kardec)..... :) E viva o sincretismo! Sempre respeitando o seu próximo, claro!


Protesto apoiado!

2 comentários:

Mrs. Sea disse...

Lolol... Fartei-me de rir! Comecei a imaginar o teu bairro! Puxa... o teu bairro é uma animação... No meu não se passa nada nunca! Lolol Nem procissão quase passa naquela rua! :)
Tenho uma colega que é testemunha de Jeová... Até no trabalho ela lê a Bíblia! Eu acho isso um fanatismo! Teve um filho e chamou-o de Natanael porque é não sei quem da Bíblia! É fanatismo, não?!
Bjins

Monique I disse...

Olha, tem coisa aqui que até Deus duvida.... kkkkk
Nada contra ser um religioso fervoroso, mas é preciso ter bom senso, né? Eu acho que é fanatismo mesmo. Se ela vier com uma conversinha meio estranha, corra! Ela quer te converter!!! lolol

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin